Microsoft Azure com até 18 TB de memoria RAM

A Microsoft anunciou novidades para o Azure, nesta segunda-feira (4), sua plataforma de serviços e computação em nuvem. Entre elas está a disponibilização, em breve, de máquinas virtuais muito mais potentes, com até 18 TB de memória RAM.

Nos últimos anos, Infraestrutura como serviço (IaaS) tem sido o principal serviço que hospeda aplicativos de clientes. As VMs do Azure são as mais fáceis de migrar do local e, ao mesmo tempo, permitem modernizar sua infraestrutura de TI, aprimorar a eficiência, aprimorar a segurança, gerenciar melhor os aplicativos e reduzir custos. E tenho orgulho de que o Azure continue sendo reconhecido como líder nessa área importante .

Novos recursos para Microsoft Azure

De acordo com a gigante dos softwares, aproveitou a ocasião para apresentar outras soluções de máquinas virtuais voltadas para trabalhos que exigem grandes quantidades de memória. E que devem atender agora principalmente empresas que necessitam de soluções de bancos de dados que envolvam o uso da computação in-memory SAP HANA.

A plataforma também oferecerá novas opções de máquinas virtuais de 192 GB que aprimoram as capacidades computacionais para o Hana no Azure, além de oferecer opções escaláveis que combinam para até 18 TB de RAM. Além disso, a Microsoft também oferece a escala de instâncias de nuvem pública líder do setor para o SAP HANA com uma nova configuração de 24 TB TDIv5.

Isso amplia a na oferta do SAP HANA para 15 opções de instâncias. Com essas novas configurações, você pode se beneficiar de um preço mais baixo para a configuração do TDIv5 com um SLA de 99,99% incomparável para a infraestrutura do SAP HANA e a capacidade de ampliar configurações maiores.

A Microsoft também revelou um novo recurso chamado “Standards SSDs”, que servirá como uma alternativa para execução de cargas de trabalho de nível básico. Esse tipo de atividade computacional que comumente demanda desempenho e taxas de transferências elevadas. Já aqui, ele será lançado a preços mais acessíveis em comparação a serviços conhecidos como “SSD premium”.

Os SSDs padrão não oferecem o mesmo tipo de desempenho. Mas a Microsoft promete que os desenvolvedores terão latência, confiabilidade e escalabilidade melhoradas em comparação com os discos rígidos padrão.

Mesmo que esta variante de serviço não conte com o mesmo desempenho das opções mais caras. A companhia garantiu que os clientes terão baixa latência, maior confiabilidade e melhorias escaláveis consideráveis em relação aos discos rígidos convencionais em sistemas de computação em nuvem.

Fonte: Microsoft

3186
Deixe seu comentário