iPhone por R$ 720: as ofertas de celulares no leilão da Receita Federal

Para quem está em busca de um smartphone top de linha usado, e por um processo atrativo, e que caiba no seu bolso, os leilões da Receita Federal é o lugar certo para você.

Os leilões da Receita Federal com produtos apreendidos sempre chamam atenção pela chance de arrematar equipamentos por preços baixos. Para quem procura por um celular novo, as ofertas com iPhone 7 por menos de R$ 900, iPhone 6 Plus por R$ 800 e iPhone 6S por apenas R$ 720 podem ajudar a economizar.

Não somente smartphones da Apple, além deles há também celulares da Sony, Samsung e Motorola, com Android, entre os lotes, que chegam a custar R$ 180. Nas linhas a seguir, conheça as ofertas mais interessantes com celulares em leilões. Você também conhece a diferença de preços entre os smartphones leiloados e os produtos novos.

Como funciona os leilões da Receita Federal

Para você que deseja participar do leilão, é necessário estar com o CPF válido e ter um certificado digital, documento emitido por uma Autoridade Certificadora, como o Serasa. Ainda não muito conhecidos entre o público em geral, os certificados digitais são documentos eletrônicos que servem como uma carteira de identidade virtual para identificar e representar uma pessoa ou empresa na Internet. Eles são úteis nos casos em que seja extremamente necessário validar a identidade de um usuário, como em transações bancárias.

Para obter um certificado digital, o primeiro passo é escolher uma autoridade certificadora (AC), que funciona quase como um “cartóriodigital. Há várias delas no mercado, todas subordinadas ao ICP-Brasil, serviço público criado em 2001, que monitora e regulamenta a emissão desses certificados no Brasil. O Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ITI), uma autarquia vinculada à Casa Civil da Presidência da República, credencia e audita as ACs brasileiras. No site oficial do ITI, é possível conhecer todas as autoridades certificadoras.

Entretanto, cada evento acompanha uma agenda de início e fim das propostas. Para passar para a fase de classificação das ofertas, é necessário dar um lance até 10% mais baixo que o do melhor valor oferecido pelo lote. Só então que o participante é aprovado para a sessão de lances online.

Os artigos apreendidos e leiloados não têm garantia e não há como confirmar antes de fazer a compra se apresentam algum defeito ou se estão prontos para uso. Além disso, a Receita Federal proíbe a devolução ou a revenda.

Em alguns casos, os itens são fotografados para aparecer no site de lances. No entanto, há peças em que o participante só vê após arrematar e buscar o lote pessoalmente no porto ou aeroporto – o que também deve ser levado em consideração caso o comprador more longe do local do evento.

Caso arremate um conjunto e não faça o pagamento, o participante é multado pela Receita Federal.

1. iPhone 7 por R$ 880 (RS)

Receita
iPhone 7 está em lote com lance mínimo de R$ 880 no Rio Grande do Sul (Foto: Divulgação/Receita Federal

Esse é um dos lotes de maior destaque do leilão de Passo Fundo, no Rio Grande do Sul, é o do iPhone 7 na cor preto brilhante – foi finalizado em 22 de junho. O celular da Apple, lançado em 2016, tem câmera principal de 12 megapixels e frontal de 7 MP, além de tela de 4,7 polegadas. O pacote, que também inclui um Chromecast 2, tinha proposta mínima de R$ 880. Nas lojas do Brasil, apenas o smartphone custa cerca de R$ 2.800.

2. iPhone 6 Plus por R$ 800 (RJ)

Receita
iPhone 6 Plus de 16 GB foi vendido em lote de abril de 2018 por R$ 800

O iPhone 6 Plus de 16 GB, lançado em 2014, também está entre as ofertas mais interessantes da Receita Federal, dessa vez em um lote já leiloado em abril de 2018 no Aeroporto Internacional Galeão, no Rio de Janeiro. O celular da Apple tem tela de 5,5 polegadas e câmera de 8 megapixels. Disponível com lance mínimo de R$ 800, hoje ele é vendido por cerca de R$ 2.000 em lojas de grande porte. O pacote também trazia uma GoPro Hero 4 Silver, encontrada no mercado nacional por R$ 1.300.

3. iPhone 6S de 64 GB por R$ 800 (RS)

Receita
iPhone 6S de 32 GB tem lance mínimo por quase metade do valor de mercado (Foto: Divulgação/Receita Federal)

O iPhone 6S também pode ser encontrado nos leilões da Receita Federal, em Passo Fundo, mesmo que em lotes separados. Os celulares de 64 GB e 32 GB, respectivamente, estão disponíveis para lances mínimos de R$ 800 e R$ 720. Lançados pela Apple em 2015, os smartphones contam com 3D Touch e câmera de 12 megapixels, com capacidade para vídeos em 4K. No Brasil, podem ser encontrados nas lojas com preços entre R$ 1.900 e R$ 2.800.

4. Xperia Z5 Premium por R$ 1.100 (CE)

Receita
Xperia Z5 Premium tem câmera traseira com 23 megapixels e pode ser arrematada por R$ 1.100

O smartphone lançado em 2015, também com destaque para câmera 4K com resolução de 23 megapixels, o Xperia Z5 Premium, da Sony, pode ser encontrado no leilão da Receita Federal em Fortaleza, no Ceará — aberto para propostas até 26 de junho. O lote tem lance mínimo de R$ 1.100 e acompanha uma GoPro Hero 4 Session. No mercado nacional, o celular com armazenamento de 32 GB tem custo médio de R$ 1.900.

5. Moto G5 por R$ 260 (RS)

Receita
Moto G5 sai por R$ 260 em lote com controle para PS3 e jogo (Foto: Divulgação/Receita Federal)

Uma outra oferta interessante encontrada no leilão de Passo Fundo é o Moto G5, da Motorola. O celular, lançado em 2017, tem tela LCD com resolução Full HD e bateria de 2.800 mAh, que promete durar um dia inteiro com uso frequente. O lote, acompanhado com um controle DualShock para PS3 e o jogo Assassin’s Creed, tem oferta mínima de R$ 260. Nas lojas oficiais, apenas o celular sai por cerca de R$ 600.

6. Galaxy J2 Prime por R$ 180 (RS)

Receita
Galaxy J2 Prime com TV Digital estava em lote de R$ 180 acompanhado de roteador (Foto: Divulgação/Receita Federal)

E por fim para finalizar, para os fãs da Samsung, o Galaxy J2 Prime também pode ser encontrado entre os pacotes para lances em Passo Fundo (RS). O telefone tem tela com resolução HD, TV Digital e armazenamento de 8 GB, com suporte a cartão de memória microSD de até 256 GB. Para arrematar o smartphone no leilão, o preço mínimo, acompanhado do roteador TL-WR720N da TP-Link, é de R$ 180. No comércio eletrônico, o celular é encontrado por cerca de R$ 500.

Faça já parte da família Itecnewsacesse e conheça nossa pagina no Facebook e Instagram, interaja conosco em nossas redes sociais e tenha acesso as melhores novidades tecnológicas do mundo.

8717
Deixe seu comentário